Entre em contato
Av. Jamel Cecílio, Ed Metropolitan, 2690 - Jardim Goiás - Goiânia
Fale com a gente
contato@grifopropaganda.com.br
Tel: +55 (62) 3626-4337

Entenda o que é landing page e como ela pode ajudar o seu negócio

Se você busca aumentar as taxas de conversão precisa saber criar uma boa landing page. Com a chegada da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), essa estratégia se torna ainda mais necessária, sobretudo para explicitar o consentimento dos consumidores na hora do cadastro da campanha. Em um momento de inúmeras mudanças no Marketing Digital, elas continuam desempenhando um papel fundamental. 

Pela versatilidade e aptidão de melhorar as taxas de captação e conversão, elas podem ser divulgadas em diferentes meios. Assim, são boas estratégias para quem está em fase de prospecção de clientes. Além da divulgação pelas redes sociais e o próprio site, também é possível propagá-las com estratégias de inbound marketing como e-mail marketing e links patrocinados no Google Ads e Facebook Ads, por exemplo.  

 

Mas o que é landing page?

Em tradução livre do inglês, landing page significa página de destino. Mas destino de quê e para quem? Bom, embora o termo não carregue sua explicação no nome, cabe ressaltar que aponta para um objetivo bastante específico do marketing digital: a conversão dos visitantes de um “site”. Por isso, a página costuma ser mais concisa e direta. Logo, não aceita excesso de textos e informações demasiadas. 

A abordagem sucinta se justifica na tática de diminuir as distrações. Quando se coloca muitos elementos em um espaço pequeno, as chances do visitante se cadastrar diminuem. Isso ocorre devido a curiosidade – componente indispensável na atração -, se perder em meio a tanto conteúdo. No entanto, isso não significa que a formulação dessa página de conversão deva ser sem graça. 

 

Principais características 

Como dito anteriormente, uma landing page se propõe ao objetivo único de converter o visitante em prospect. Leads são oportunidades de negócio, ou seja, pessoas que se interessaram pelo seu produto ou prestação de serviço a ponto de se cadastrarem para receber atendimento. Para atrair esses clientes em potencial, essas páginas possuem características próprias. 

Dentre as particularidades de uma página de conversão estão 5 itens primordiais, como estipulados pela Resultados Digitais: título e subtítulo, imagem, descrição de oferta, formulário e outros elementos. O desafio, portanto, é convencer o visitante a se cadastrar a partir de uma chamada forte, design/arte (ou imagens) atraentes e uma breve descrição das vantagens que a oferta oferece. 

 

Do CTA ao baixo CAC 

Para gerar, efetivamente, uma conversão de visitante para lead, é indispensável que a landing page tenha um formulário com botão de cadastro. Em outras palavras, é fundamental ter uma chamada para ação (Call To Action – CTA), pois com ela o visitante se converte em oportunidade de negócio. De modo a potencializar as vendas de fato, também é indicado ativar as notificações de conversão. 

Quando você consegue acompanhar a jornada do cliente no funil de vendas, fica muito mais fácil abordá-lo com eficiência. Como se sabe, a agilidade no atendimento contribui para uma relação positiva com o seu lead. Para além disso, a landing page auxilia na redução de custos de prospecção, uma vez que é um meio muito mais barato do que o investimento de tempo e dinheiro em métodos off. Em resumo, é uma estratégia assertiva para quem busca diminuir o custo de aquisição de clientes (CAC). 

Caso queira se aprofundar um pouco mais sobre o tema, leia o nosso texto sobre Como as estratégias de Marketing Digital podem te ajudar a prospectar clientes

Precisa de uma agência de marketing digital para ajudar a alavancar as vendas da sua empresa? Fale com conosco! Conecte-se com nossas redes sociais: Facebook, Instagram, LinkedIn e na plataforma Behance e não perca nossas novidades. Clique aqui para ler outros artigos do nosso blog.